Instituto Pólis promove “Pedal do Programa Jovem Monitor/a Cultural”

O Instituto Pólis realizará a segunda edição do “Pedal do Programa Jovem Monitor/a Cultural” como proposta de vivência de um novo paradigma de mobilidade. A atividade integra as ações da Semana da Mobilidade 2016.

capa_pedal_wordpress-840x313

A saída acontecerá às 10h30 da próxima segunda-feira (19) na Praça da República e o percurso será finalizado às 13h30 embaixo do viaduto do Anhangabaú. A tarde as atividades continuam na Praça das Artes, com uma roda de conversa sobre Mobilidade Urbana e Direito à Cidade.

Segundo Pedal do Programa Jovem Monitor/a Cultural

Data: 19 de setembro de 2016.

Pedal: Saída: 10h30, na Praça da República (em frente ao banco Itaú). Chegada: Vale do Anhangabaú (embaixo do viaduto).

Roda de conversa: 15h00, na Praça das Artes (Av. São João, 281).

Workshop: “Alternativas Tecnológicas Sustentáveis Para Uma Matriz Diversificada De Transporte Coletivo Mais Limpo”

Data: 20 de setembro de 2016 (terça-feira)

Horário: 09h às 18h30

Local: Auditório A3 do Instituto de Geociência (IGC)

Endereço: Rua do Lago, 562 – Cidade Universitária

O Instituto de Energia e Ambiente da Universidade de São Paulo e o Research Centre for Gas Innovation promovem uma mesa de discussão com representantes do meio acadêmico, indústria e setor dos transportes, com o objetivo de difundir conceitos e mecanismos que possam contribuir para dar consistência ao programa de substituição de frota do Município de São Paulo.

Tem ainda o objetivo de discutir futuros programas de substituição de ônibus urbanos convencionais a diesel por alternativas mais limpas. Ao fim workshop, os mediadores farão um sumário das principais ideias debatidas com vistas à elaboração de um “white paper” reunindo as bases da matriz diversificada de tecnologias alternativas mais limpas para uma renovação gradual do transporte público no país. Esse documento será entregue às autoridades competentes, políticos e aos candidatos à prefeitura municipal nas eleições de 2016.

Estão entre os convidados a Secretaria de Transportes do Município de São Paulo; SPTrans; o Secretário do Verde e do Meio Ambiente; Ministério Público do Estado de São Paulo; ANTP ; SPUrbanuss; World Resources Institute; Instituto Saúde e Sustentabilidade; Greenpeace e outras entidades ambientalistas.

Programação

09:00 – Abertura – Prof. Edmilson Moutinho dos Santos / Vereador Gilberto Natalini

09:30 – Fortalecimento do marco regulatório dos programas de substituição de frotas de ônibus urbanos por alternativas mais limpas – Calculadora de emissões reduzidas na substituição de frotas por alternativas mais limpas – Olimpio Alvares – L’Avis Eco-Service/ANTP

10:00 – O Centro de Pesquisa Inovação e Difusão do Gás (RCGI): projetos na área de transporte e sustentabilidade desenvolvidos por pesquisadores da Universidade de São Paulo – Profa. Dominique Mouette, Dr. Rodrigo Galbieri, MsC. Thiago Brito

10:30 – 11:00 – Coffee break

11:00 – Chegou a hora dos ônibus elétricos em São Paulo – BYD – Adalberto Maluf

11:30 – Benefícios ambientais e climáticos e viabilidade técnica e econômica da adoção de trólebus e outras tecnologias de tração elétrica sobre pneus – Eletra e ABVE – Ieda Maria Oliveira

12:00 – Tecnologia de Zero Emissão de Fumaça em Ônibus Urbanos em Uso – Retrofit – Hug Engineering – ElringKlinger – Alain Muzart

12:30 – Mesa redonda com perguntas de moderadores

13:00 – 14:00 – Brunch Executivo

14:00 – Soluções Energéticas e Ambientais para o Transporte Público – Comgas – Sr. Ricardo Vallejo

14:30 – Potencial do biometano no Brasil e seu uso em ônibus urbanos – Abiogas – Karina Lassner

15:00 – Biodiesel no Brasil: histórico, aspectos socioambientais, capacidade produtiva e viabilidade técnica/econômica no transporte coletivo” – APROBIO – Julio Cesar Minelli

15:30 – 16:00 – Coffee break

16:00 – Alternativas Scania para Mobilidade Urbana Sustentável – Scania – Sergio Munhoz

16:30 – Eletromobilidade Inteligente – Volvo do Brasil – Ayrton Amaral

17:00 – Mesa redonda com perguntas de moderadores

17:30 – 18:30 – Cocktail de encerramento e conclusões – Dr. Silvio de Andrade Figueiredo

 

Inscreva-se1

Mobifilm na Virada

Idealizado pelos produtores Eduardo Abramovay e Leonardo Khedi para estimular um debate sobre a questão da violência no trânsito no país, o Festival Brasileiro de Filmes Sobre Mobilidade e Segurança Viária teve sua primeira edição em agosto e vem em um momento muito importante.

Segundo o DPVAT (seguro obrigatório responsável pela indenização das vítimas), no último ano 37 mil pessoas morreram em acidentes de trânsito no Brasil. Outras 495 mil sofreram algum tipo de invalidez permanente, quando há perda irreversível de funcionalidade de membros do corpo.

Dados da Organização Mundial da Saúde mostram que o acidente de trânsito é a maior causa de mortalidade por fatores externos no mundo, superando guerras ou suicídios. A OMS estima que eles causem a morte de 1,2 milhão de pessoas todo o ano. A previsão do órgão é que o número chegue a 2 milhões/ano até 2020. Por isso, a ONU decretou, em 2010, que o período entre 2011 e 2020 seria a “Década de ações para a segurança no trânsito”

As discussões sobre melhoria dos serviços de transportes e aumento da segurança viária são essenciais não apenas para os deslocamentos, mas acima de tudo para melhoria de qualidade de vida.

O Mobifilm –  fará parte da nossa Virada em sessão especial para nosso encerramento no dia 23.09 (sexta-feira). Saiba quais serão os filmes e venha discutir o futuro da mobilidade urbana!

MOBIFILM_VERSAO_FINAL.png

Inscreva-se

E-moving será co-organizadora da Virada 2016

logo_nova cor

A E-Moving | Mobilidade Urbana será uma das co-organizadoras da Virada da Mobilidade 2016 na cidade de São Paulo. A empresa estará presente durante diversos momentos do evento para mostrar como a sua atuação tem contribuído para solucionar o problema de mobilidade mais que conhecido na cidade.

A empresa surgiu no início de 2015 com o objetivo de oferecer ao mercado uma solução mais barata, rápida e sustentável que os meios convencionais de mobilidade nas grandes cidades. Seu propósito é garantir a revolução da mobilidade urbana que conhecemos atualmente e a eficiência no transporte cotidiano.

A E-moving atua alugando bicicletas elétricas para diversos canais (pessoa física, empresa, hotéis e delivery) por diferentes períodos (pacotes de 1 semana a 1 ano), para que assim as empresas e pessoas possam utiliza-las para fazer suas atividades do dia-a-dia. Além dos benefícios claros ao usuário como a agilidade no trânsito, economia de estacionamento e combustível, a previsibilidade de tempo e a contribuição para sua saúde, vale destacar também os benefícios gerados para a sociedade, como a redução da emissão de gases danosos e a redução do número de veículos nas ruas das grandes cidades.

Quer saber mais sobre a E-moving?

Acesse o site www.e-moving.com.br e acompanhe o facebook da empresa em www.faceobok.com.br/emovingbr.

Desafio Multimodal 2016

O desafio tem por objetivo estimular a intermodalidade na cidade. Nossa proposta é fazer com que o usuário experimente utilizar no mínimo 3 modais para chegar a um destino comum partindo das 4 zonas da cidade. Foram escolhidos os principais parques de cada uma das regiões (norte, sul, leste e oeste) como ponto de partida, e o destino será o Conjunto Nacional. De cada região partirão de 2 a 3 equipes, com um participante de mobilidade reduzida, para que possamos avaliar como está a acessibilidade na cidade (afinal um dos princípios da mobilidade urbana é o acesso universal). Cada competidor será acompanhado por uma equipe de filmagem que gravará as escolhas e dificuldades do percurso.

Este ano teremos uma participação especial mais que especial de pessoas com  deficiência ou restrição de mobilidade

Envolvidos 32 a 40  participantes, divididos em duplas

Modalidades disponíveis

  • A pé – mínimo 100m e máximo até 1,0 km
  • Táxi – máximo R$ 10,00 (App EasyTaxi)
  • Metrô/Trem– Bilhete único
  • Ônibus – Bilhete único
  • Carona – máximo 4 km ( com App Caronetas)
  • Bicicleta locada avulsa
  • Bicicleta dobrável
  • Skate (2 participantes)
  • Patins (Um participante)

Roteiro

Dos 4 parques estaduais da cidade até o Conjunto Nacional ( Avenida Paulista)

  • ZONA NORTE: Parque da Cantareira

 Parque da Cantareira

  • ZONA LESTE: Parque Ecológico do Tietê

Parque ecologico do Tiete

  • ZONA SUL: Parque Estadual Guarapiranga (Sairemos da Av Atlantica 1100)

Guarapiranga

  • ZONA OESTE: Parque Villa-Lobos

Vila lobos

 

  • Apenas 3 modalidades serão sorteadas de forma a serem obrigatórias no percurso do participante.
  • Todos os participantes levarão consigo um smartphone com aplicativos de Carona, Taxi, Google e medidores de caloria  instalados.
  • As modalidades serão sorteadas na sexta feira dia 18 de setembro, em local a definir, e informadas aos participantes.
  • Cada grupo será filmado por uma câmera portátil e ao final serão editados todos os vídeos e publicados no Youtube, de forma a ilustrar as experiencias de cada dupla nos trajetos
  • Regras para definição da Região com melhor mobilidade: Distância x tempo, conforto, modais disponíveis, atividade no percurso, segurança dos usuários.

 

inscreva-se2

 

Patrocínio Ouro

 Ford-logo-and-slogan.png      leve-me

Patrocínio Prata

FUND ALPHAVILLE - logo horizontal COR  ald

Apoio estratégico 

SPsemCARRO    CCN_logo

onsv.png   TEL logo_color_pos  

Logo-ParisVegas-sslogan  Logo_Final-01 

Pegcar Final Vertical.png  sem-titulo

mobifilm  Logo_35_anos (1)  leva eu

Logo 2016 grande (transparente)  Skate_logo_500  Logo_1  vela logocb

Apoio Institucional 

antp IVM_web ConexoesRioPinheiros__principal positivo_CMYK 

logo_abve  logo_itdp_JPG

Realização

 ey  caronetas_logo_1000  _010516_LOGO-SOBRATT_17_ANOS      

Co-Realização

 CIS14 Logo Branco       logo_nova cor

Agência de Mídia 

 True_Institucional

Apoio de mídia

logo-catraca-livre-horizontal-colorido-Virada2

Corra – literalmente – para o trabalho!

Você já se imaginou correndo — literalmente — para o trabalho, academia ou qualquer destino? É o que promove a iniciativa da gestora ambiental Silvia Cruz, a CorridaAmiga. Um dos parceiros da Virada da Mobilidade 2015, ela vai apresentar, no Armazém Cultural, uma nova forma de se locomover em São Paulo hoje, dia 21/09, às 18h.

Silvia, que usava a corrida para se exercitar desde 2010, descobriu que é possível fazer da atividade um meio de transporte quando foi estudar no exterior. Na França e na Finlândia, ela descobriu que seus colegas usavam a corrida para ir e voltar do trabalho e incorporou a iniciativa no seu dia a dia.

Aqui as pessoas correm meia maratona no parque, mas acham coisa de louco ir correndo pro trabalho!”, comenta. “Depois que voltei para o Brasil, pensei: se as pessoas usam isso lá fora, por que não disseminar essa prática aqui?”.

Foi assim que começou a CorridaAmiga. Inspirada no modelo do Bike Anjo, a iniciativa ajuda e orienta as pessoas que querem ir correndo ao trabalho com o mesmo modelo de voluntários. O iniciante faz seu primeiro trajeto auxiliado por alguém da CorridaAmiga, geralmente em um fim de semana, afim de descobrir as melhores rotas para chegar ao seu destino. “Os voluntários vão ensinar como usar a mochila na corrida, a logística da roupa, entre outros macetes importantes”.

Além do trajeto acompanhado, Silvia sugere que os adeptos da corrida como meio de transporte leiam o Manual de Deslocamento Ativo para obter mais dicas sobre esse modal. “Uma sugestão, por exemplo, para as pessoas que não têm vestiário no local de trabalho, é que cheguem uns 40, 30 minutos antes para dar tempo de resfriar o corpo e não ficar suando”. O Manual também dá instruções sobre o que fazer em dias mais secos e quentes, a respeitar a sinalização, ter atenção às calçadas, etc. “Gosto de dizer que correr na cidade é o mesmo que fazer uma corrida de aventuras”, conclui.

Com cada vez mais adeptos, a CorridaAmiga já está presente em 15 cidades do Brasil, possui mais de 100 voluntários e 100 corredores, que correm, em média, de 5 a 10 km por dia. “Se a pessoa trabalha muito longe, ela pode misturar os modais: ir de transporte público até uma parte do caminho, e terminá-lo correndo”, ensina.

Essas e outras dicas, informações e um pouco mais da história da CorridaAmiga você assiste hoje, segunda-feira, às 18h no Armazém Cultural. Lá, Silvia vai contar sobre a sua experiência e irá nos ajudar a refletir como mudar os paradigmas de locomoção de São Paulo, aprimorando, otimizando e repensando a mobilidade urbana da cidade.

Roda de Conversa I: Corrida Amiga
18h
Armazém Cultural – Rua dos Cariris, 48, Pinheiros

Bem vind@s à Virada da Mobilidade 2015!

Quer discutir como melhorar o modo de locomoção nas grandes cidades, aperfeiçoando a mobilidade urbana e a qualidade de vida?

Então participe da Virada da Mobilidade deste ano. Entre os dias 19 e 25 de setembro, o evento irá propor atividades para avaliarmos como integrar várias formas de transporte, ocupar espaços públicos, promover a boa convivência, repensar trajetos de todo o dia e, assim, aprimorar nossa mobilidade.

Se você faz parte de um orgão público, de uma empresa ou de um coletivo e quer propor uma atividade para a Virada, se inscreva no nosso formulário que entraremos em contato.

Acompanhe nossas notícias pelo site ou através do Facebook.